10 jun, 2022

Conheça o Cânion das Bandeirinhas, na Serra do Cipó

O Cânion das Bandeirinhas, na Serra do Cipó, é uma surpresa incrível depois de uma trilha de 12km. Vem ver como chegar e como é a trilha até lá!

trilha do canion das bandeirinhas

Como chegar até a trilha do Cânion das Bandeirinhas

A entrada para o Cânion das Bandeirinhas fica na Portaria Areias do Parque Nacional Serra do Cipó. São apenas 4km de estrada de terra para chegar da MG 010 até a portaria.

O Parque permite entrada de 8h às 14h e saída até às 17h. Não é cobrado ingresso e o estacionamento é gratuito.

A trilha até o Cânion tem 12km e é possível percorrer a pé, de bike, a cavalo ou de charrete. Todas essas opções estão disponíveis pra aluguel na própria portaria do parque e também é permitido levar sua bicicleta.

A princípio nós iríamos a pé até a Cachoeira da Farofa, que fica antes do Cânion e tem uma trilha menor (9km), mas decidimos ir de bike ao chegar ao Parque.

trilha do canion das bandeirinhas

O aluguel das bicicletas vai de R$ 60 a R$ 80 (para o dia todo) e estavam em ótimas condições. Eles fornecem capacete e corrente pra prender a bike também.

A portaria Areias dá acesso a Cachoeira da Farofa, Capão dos Palmitos, Cânion das Bandeirinhas, Circuito das Lagoas e ao Mirante do Bem. Já está nos nossos planos voltar pra ir até a Cachoeira da Farofa!

Dica: nós saímos de Belo Horizonte na sexta depois do almoço e fizemos a trilha no sábado. Recomendamos tentar fazer assim pra estar mais descansado – e também aproveitar mais a cidade!

Trilha até o Cânion das Bandeirinhas

A trilha até o Cânion das Bandeirinhas tem 12km. No total (ida e volta), foram 20km pedalando e 4km a pé.

A estrada é bem ampla e plana na maior parte do caminho, são poucas as subidas e descidas. 

trilha do canion das bandeirinhas

Tem alguns trechos com muita areia ou riachos, mas é muito tranquilo de passar. 

trilha do canion das bandeirinhas

A paisagem é simplesmente incrível. A Serra da Lagoa Dourada cerca a estrada e a vegetação dá um toque belíssimo ao caminho.

trilha do canion das bandeirinhas

Quando a estrada acaba, tem um lugar onde deixar as bicicletas trancadas, já que o trecho final até o Cânion envolve atravessar um rio e passar por uma trilha mais acidentada de 2km (incluindo o caminho pelas pedras na beira do rio).

trilha do canion das bandeirinhas

O ribeirão Mascate é chamado de ribeirão mas é bemmm largo e a água estava geladíssima.

trilha do canion das bandeirinhas

As pedras são muito escorregadias, tome cuidado.

trilha do canion das bandeirinhas

Após a travessia, a trilha continua com uma paisagem linda, cada vez mais próxima do paredão de pedra.

trilha do canion das bandeirinhas

Quando chegamos na beira do rio, fomos andando pelas pedras mesmo até bem pertinho do Cânion. 

trilha do canion das bandeirinhas

Dá pra atravessar o rio pelas pedras e chegar nadando até uma lagoa bem no meio do Cânion.

trilha do canion das bandeirinhas
trilha do canion das bandeirinhas

Pausa para o piquenique: não esqueça de levar o lanche (e o lixo de volta)!

trilha do canion das bandeirinhas

Lembrando que fomos em maio e não era época de chuvas. Não é aconselhável ir com chuva pois os rios estarão mais cheios e o perigo de tromba d’água é maior.

Dica sobre a intensidade da trilha: confesso que achei a trilha bem tranquila de bicicleta (como sempre, achei que não daria conta kkk), principalmente por ser quase toda plana. Uma surpresa pra mim foi uma excursão da melhor idade que percorreu todo o caminho a pé e ainda estavam em (muito) melhor forma que a gente! Quero chegar nessa idade assim!

Circuito das Lagoas

O Circuito das Lagoas também fica no Parque Nacional da Serra do Cipó, a mais ou menos 1km da portaria. Tem um mirante muito bonito e duas lagoas, uma que está na foto abaixo e outra que estava bem cheia e não dava pra chegar pertinho.

Circuito das Lagoas Parque Nacional Serra do Cipó

Vale a pena passar por lá porque o caminho é lindo!

Circuito das Lagoas Parque Nacional Serra do Cipó

O que levar para a trilha

Eu sou do time dos prevenidos mas, mesmo se você não for, não deixe de levar alguns itens básicos!

  • Muita água: Adriano e eu levamos 4l e ainda tivemos que economizar (e olha que o tempo estava bem fresco);
  • Lanche
  • Papel higiênico
  • Camisa de manga longa
  • Protetor solar
  • Repelente (algumas pessoas pegaram muitos carrapatos, não sei se tem repelente bom que ajude, mas fica a dica)
  • Remédios básicos
  • Boné ou chapéu

Onde comer e onde se hospedar na Serra do Cipó

Já visitamos a Serra do Cipó em outra ocasião e nesse post tem todas as dicas de restaurantes e pousadas que conhecemos na Serra

Cachoeiras na Serra do Cipó

Cachoeira é o que não falta na Serra do Cipó! Aproveite para conhecer a Cachoeira Grande, Serra Morena, Cachoeira da Caverna e outras belezas da região.

cachoeira grande serra do cipó

veja os posts relacionados

Deixe seu comentário